Quanto custa anunciar na TV? Entenda se é uma possibilidade para a sua empresa

anunciar na tv

Anunciar na TV muitas vezes pode ser encarado com algo custoso, mas as oportunidades são imensas – desmitificamos este assunto pra você.

A TV sempre esteve presente nos lares das famílias brasileiras, se notabilizando por ser o meio de maior penetração dentre todos os existentes. Segundo o Atlas de Cobertura da TV Globo, o sinal aberto de televisão possui o alcance potencial de mais de 200 milhões de pessoas – quase 100% da população brasileira.

Dado seu alto poder de cobertura, anunciar na TV pode parecer custoso, mas é apenas a primeira impressão. Obviamente que, se o desejo for veicular durante os principais programas e audiências, os custos serão mais elevados – afinal, você impactará milhões de pessoas com a divulgação do seu produto ou empresa. Diante disso, existem algumas boas alternativas, e uma delas é a TV Paga.

Apesar de possuir uma cobertura menor que o sinal aberto, a TV por Assinatura possui grande relevância, presente hoje em aproximadamente 25% dos lares no Brasil. Com a forte crise nos últimos anos, o meio sofreu um decréscimo no número de assinantes, mas a sua audiência subiu: em tempos difíceis as pessoas tendem a ficar mais em casa, consumindo o entretenimento disponível em seus lares. Além deste fato, a audiência do meio se notabiliza por ser mais qualificada que a TV Aberta, concentrando a sua penetração nos consumidores das classes A e B.

Dada a grande quantidade de canais, a TV por Assinatura nos oferece uma outra possibilidade interessante: conseguimos encontrar nichos de acordo com o conteúdo, impactando o público-alvo desejado. Com isso, o meio exerce papéis muito importantes para a construção de uma marca, como awareness, credibilidade e a apropriação de territórios/conteúdos.

Apesar da eficiência dos meios digitais, a TV tem uma característica própria: a receptividade do telespectador com o break comercial é muito maior, somado ao recurso visual e sonoro dos filmes publicitários. Entendemos que o digital e a TV funcionam em perfeita sintonia – enquanto a televisão constrói marca e gera a consideração por tal produto ou marca, os meios digitais são essenciais para a conversão. A presença de grandes anunciantes nativos do ambiente digital na TV corroboram ainda mais para esta compreensão.

Quando falamos em anunciar na TV, não podemos nos esquecer da produção do material publicitário. As possibilidades são inúmeras, mas devemos sempre nos guiar pelo custo total de veiculação – o ideal é que o custo da produção seja igual ou menor a 20% do valor total da mídia negociada. Uma alternativa bastante válida é produzir o material com os próprios canais, que muitas vezes absorvem ou subsidiam parte destes custos.

Apesar das grandes possibilidades introduzidas pelos meios digitais, a TV ainda possui uma relevância imensa e deve ser sempre considerada como alternativa – basta compreendê-la para esmiuçar as suas possibilidades.

Se interessou sobre o assunto, e acredita que pode ser um caminho pra sua empresa? Entre em contato conosco para batermos um papo!

Vamos lá, conte pra gente o que te aflige!

Tem uma ideia e não sabe por onde começar? Quer divulgar a sua marca, mas não entende qual é o melhor caminho?

Abrir no Whatsapp
Precisa de ajuda?
Olá! Como podemos ajudar?
Powered by